COMO CRIAR ARTIGOS DE CONVERSÃO {Plano de Ação}

SUMÁRIO DESSE ARTIGO SOBRE ARTIGOS DE CONVERSÃO

Nesse artigo você irá aprender definitivamente como escrever artigos focados em conversão. Veja o resumo abaixo:

 

  1. Para criar um “artigo rei de conversão” é preciso saber a teoria do xadrez
  2. Veja como tirar o máximo proveito do conteúdo deste plano de ação
  3. Conceitos fundamentais
  4. Entenda a jornada de valor
  5. O artigo rei dentro da jornada de valor
  6. O papel do artigo rei
  7. De quantos artigos de conversão você precisa?
  8. Construindo seu artigo rei
  9. Estrutura do artigo rei
  10. Escrevendo a introdução
  11. O conteúdo
  12. Escrevendo o fechamento
  13. Considerações finais sobre o artigo de conversão

 


 

 

PARA CRIAR UM “ARTIGO REI DE CONVERSÃO” É PRECISO SABER A TEORIA DO XADREZ

No xadrez, existe uma peça que manda no jogo: o rei. O rei é a peça central do jogo.
Quem derrubar o rei do adversário vence. Este é o famoso xeque-mate.

Um conteúdo Rei é a peça central do jogo do marketing de conteúdo. É o conteúdo responsável por encaminhar nosso visitante para uma conversão, seja ela qual for.

Neste plano de execução, eu reuni o passo a passo de como montar um artigo de conversão, aquele artigo que irá trabalhar por você para transformar visitantes em pessoas altamente interessadas no que você tem a oferecer. Após passar por este plano de execução, você terá um processo passo a passo para escrever um artigo de conversão, o que eu chamo de Artigo REI.

É importante que você saiba 3 coisas:

1 – Existem diversas formas de você montar um artigo de conversão. Este que eu irei apresentar para você é baseado nas melhores informações que eu pude conhecer nos últimos anos. Utilize este passo a passo e, conforme for ganhando experiência, fique à vontade para acrescentar seus próprios elementos.

2 – A estrutura que você irá conhecer não se limita apenas à artigos escritos. Você pode utilizar a mesma estrutura para criar qualquer tipo de conteúdo de conversão: vídeos, áudios, webinars, palestras.

3 – O meu foco com este plano de execução é colocar você em AÇÃO. Acredite, eu poderia incluir aqui pelo menos 4x mais informações sobre como montar um artigo de conversão. Mas isso não irá te ajudar. Você precisa conhecer o FUNDAMENTAL para escrever seu artigo de conversão e é isso que você terá aqui: um guia pragmático para implementação, não um desfile de teorias.

 

VEJA COMO TIRAR O MÁXIMO PROVEITO DO CONTEÚDO DESTE PLANO DE AÇÃO

Leia todo o artigo de uma vez, isso o ajudará a entender a progressão das etapas e colocá-las em contexto.

Este Plano de Ação é uma lista de verificação. Cada passo se baseia no próximo. Complete cada passo na ordem.

Alguns passos pedem para que você pare e faça uma tarefa específica. Quando isto acontecer, pare e faça. Você quer ter resultados ou encher a cabeça de informações?

 

CONCEITOS FUNDAMENTAIS

Entenda a Jornada de Valor

Antes de entrarmos no conteúdo em si, é imprescindível que você entenda a Jornada de Valor.

Porquê?

Porque TUDO o que fazemos se encaixa em uma das fases da jornada de valor. Quer seja algo tão simples quanto um post no Facebook, ou algo mais complexo como um funil de conversão. Tudo entra em uma das etapas da jornada de valor.

artigo-conversao

 


 

O ARTIGO REI DENTRO DA JORNADA DE VALOR

É de extrema importância que você entenda aonde o artigo de conversão se encaixa dentro de nossa estratégia macro de negócios.

Um artigo rei é um conteúdo criado estrategicamente para levar seu visitante para a próxima etapa da jornada de valor. E o conteúdo dentro da Jornada de valor está representado pela etapa de “engajar”.

 

Perceba na imagem acima que, após a etapa de “engajar”, nós temos a etapa de “inscrever”. O artigo rei será nosso principal conteúdo que levará nosso visitante da etapa de “engajar” para a etapa de “inscrever”.

E, posso te contar um segredo?

Dependendo de sua estratégia, você poderá levar seus visitantes de seu artigo de conversão direto para a etapa de “converter”. Em outras palavras, você poderá direcionar os seus visitantes direto para sua página de vendas e ter excelentes resultados.

Nós iremos falar mais sobre este assunto nos próximos passos. Por hora, o importante é que fique claro: Seu CONTEÚDO REI será seu principal conteúdo responsável por levar seus clientes para a próxima etapa da jornada.

 

O PAPEL DO ARTIGO REI

O Artigo Rei é a peça mais importante em nossa estratégia de conteúdo. É através do artigo rei que nós iremos mudar transformar a cabeça de nossos visitantes, e criar neles o desejo de tomar a ação que nós desejamos.


Então, você já pode imaginar o impacto que um artigo rei bem escrito irá causar em seu negócio.

Note as palavras em destaque: transformar a cabeça. Esta é a verdadeira função do conteúdo Rei. E é extremamente importante que você entenda este conceito.

 

“Num artigo de conversão, o objetivo não é ensinar. O OBJETIVO É MUDAR O PARADIGMA DE NOSSO VISITANTE”.

 

Entender este conceito é o MAIS IMPORTANTE. Caso contrário, você não irá conseguir criar seu conteúdo de conversão  como ele deve ser.

 

Comparativamente, quando seu foco é ensinar através de seu conteúdo, seu visitante sairá do seu artigo pensando: “Legal! Eu não sabia x, agora eu sei”.

Isto é bom, e este tipo de conteúdo também tem seu valor e lugar na estratégia, mas num artigo de conversão, não é o que desejamos.

Num artigo de conversão, nosso foco é mudar paradigmas. Nosso visitante deve sair do artigo pensando: “Nossa…eu pensava X, mas agora eu vejo que estou enganado. Agora eu Penso Y.

 

Não existe nada mais poderoso, em termos de comunicação, do que recriar paradigmas. Muitas pessoas podem ensinar, mas poucas são as pessoas capazes de refazer as nossas crenças.

Dentro de nosso artigo rei, nós iremos derrubar uma crença atual e recriar uma crença nova na cabeça de nosso visitante; e, esta nova crença irá levá-lo a comprar o nosso produto ou serviço naturalmente.

Isto é extremamente poderoso e deve ser utilizado com ética e verdade. Vamos exemplificar estes conceitos:

EXEMPLO 1 – CALVÍCIE

Joãozinho é Calvo. Desde a infância, ele ouviu que não existe cura para a calvície, apenas implante.

Joãozinho encontrou meu artigo de conversão, onde eu PROVO para ele que existe cura uma cura NATURAL para a calvície, através de uma planta chamada CABELUSCUS BELEZUSCUS, e mostro que existe um remédio natural feito através da planta CABELUSCUS BELEZUSCUS  que tem o poder de reverter a calvície em 90% dos casos.

Joãozinho agora acredita que a calvície tem cura. (MUDOU DE PARADIGMA)

Joãozinho compra o remédio natural.

 

EXEMPLO 2 – EMAGRECIMENTO

Joana está acima do peso. Ela sempre acreditou que para emagrecer, ela teria que parar de comer tudo o que gosta, e fazer academia 6x por semana, 2 horas por dia.

Joana encontrou meu artigo rei, onde eu PROVO para ela que existe um tipo de exercício que derrete gordura com apenas 10 minutos por dia, através de uma série de exercícios específicos que podem ser feitos em casa, e mostro que existe um treinamento que ensina estes exercícios.

Joana agora acredita que pode emagrecer treinando 10 minutos por dia de casa. (MUDOU DE PARADIGMA)

Joana compra o treinamento.

 

Perceba como funciona:

  1. O leitor chega até você com uma crença.
  2. Você derruba esta crença.
  3. Você REFAZ a crença e mostra uma solução (produto/serviço).
  4. Se você conseguir de fato refazer a crença de seu leitor, as chances dele comprar de você são enormes.

 

Novamente, entender este conceito e a estrutura do artigo de conversão é o que fará todo este plano de execução funcionar.

Na próxima seção, nós iremos começar a construir nosso artigo de conversão e entender na prática como desconstruir e construir novas crenças na cabeça de nossos leitores.

 

DE QUANTOS ARTIGOS DE CONVERSÃO VOCÊ PRECISA?

Uma pergunta importante que deve ser respondida:
“Quantos artigos reis são necessários para que a minha estratégia funcione?”
Resposta: Um.

Entenda que você pode e deve ter diversos conteúdos em sua estratégia de marketing de conteúdo. Mas, como conteúdo rei, apenas um conteúdo por oferta principal é suficiente, desde que seja um conteúdo bem feito.

Na próxima seção, eu irei te entregar um passo a passo de como construir o seu conteúdo rei, para que você tenha certeza que irá possuir um artigo de conversão que irá cumprir seu papel principal: converter seus visitantes.

 

CONSTRUINDO SEU ARTIGO REI DE CONVERSÃO

ESTRUTURA DO ARTIGO

Vamos começar a construir nosso artigo de conversão.

Antes de mais nada, vamos entender a estrutura geral de um artigo focado em conversão:

Definindo o GRANDE DOMINÓ

1 – Introdução
  1.1 – Afirmando o Grande Dominó
  1.2 – Agitando as Dores
  1.3 – A Grande Promessa
  1.4 – Compromisso e Atenção
1.5 – Qualificando-se
1.6 – Transição Para o Conteúdo (Preparando o Estilingue)

2 – O Conteúdo
  2.1 – A Primeira Pedrada
  2.2 – A Segunda Pedrada
  2.3 – A Terceira Pedrada
  2.4 – Transição Para o Fechamento

3 – O Fechamento
3.1 – A Recapitulação
3.2 – A afirmação da nova crença

 3.3 – O CTA FINAL

Escrever um artigo rei é como cozinhar uma receita de um bolo. É preciso ter os ingredientes CERTOS, de ALTA QUALIDADE e misturados na ORDEM certa para que o resultado seja excelente. A receita está acima. Agora, precisamos reunir os ingredientes e nos certificar de que cada um deles tenha a qualidade necessária. Em outras palavras, precisamos caprichar em cada um dos passos acima e colocá-los exatamente nesta ordem, para conseguirmos resultados excelentes.

Vamos começar pelo ingrediente mais importante: o seu GRANDE DOMINÓ.

 

DEFININDO SEU GRANDE DOMINÓ (por Russel Brunson)

Antes de iniciar a construção de seu artigo Rei, precisamos levantar o elemento chave de nossa argumentação: O Grande Dominó. Este conceito foi apresentado por um marketeiro norte americano fantástico chamado Russel Brunson.

“O Grande Dominó é a crença que nós queremos instalar na cabeça de nossos leitores. Mas não se trata de uma crença qualquer. O Grande Dominó precisa ser uma crença específica que torna todas as objeções irrelevantes. Montar uma afirmação de Grande Dominó bem feita é a base para mudarmos paradigmas”.

Existe uma fórmula para chegarmos no grande dominó:

“Se eu conseguir fazer com que os meus leitores acreditem que (O GRANDE DOMINÓ) é a ÚNICA forma de alcançar (RESULTADO FINAL DESEJADO) e que isto será possível APENAS através do (MEU PRODUTO/SERVIÇO), então todas as objeções se tornam irrelevantes e eles terão que comprar de mim”.

 

Supondo que você tenha um produto que ajuda as pessoas com insônia a durmirem melhor. Meu grande dominó ficaria mais ou menos desta maneira:

“Se eu conseguir fazer com que os meus leitores acreditem que ativar as glândulas silóficas é a ÚNICA/MELHOR forma de acabar definitivamente com a insônia, e pegar no sono em menos de 5 minutos, e que isto será possível APENAS através do (meu produto), então, todas as objeções se tornam irrelevantes e eles terão que comprar de mim”.

 

Este é um exemplo hipotético, mas entenda o poder da afirmação acima. 

Vamos destrinchar a fórmula para você replicar no seu negócio agora mesmo. Preste bem atenção, porque esta fase é a mais importante de todo o processo.

Essencialmente, a fórmula para montar o dominó é composta por 3 elementos:

1 – A CRENÇA que você deve criar (o dominó).

2 – O RESULTADO DESEJADO por seus leitores.

3 – O seu PRODUTO/SERVIÇO.

“Sempre iremos começar pelo segundo passo”.

 

DETERMINE O RESULTADO DESEJADO

Qual é o resultado desejado por seus leitores?

Não dá pra errar aqui.

Este resultado precisa ser:

  1. REALMENTE desejado por seus futuros clientes.
  2. ESPECÍFICO.

 

Você está prometendo entregar este resultado para seus clientes. Portanto, deve prometer exatamente o que eles querem.

No exemplo que eu dei sobre o sono, perceba que eu estou prometendo: “acabar com a insônia” e “pegar no sono em menos de 5 minutos”.

Apenas acabar com a insônia já seria forte, mas vá além, seja altamente específico.

Então, o primeiro passo é prometer aquilo que o seu mercado quer. Invista o tempo que for necessário para criar uma promessa excelente. Este é o passo mais importante.

 

 

ESTABELECENDO O DOMINÓ

Agora, que já definimos qual é o resultado desejado por nosso mercado, chegou a hora de definir o nosso DOMINÓ.

Nosso dominó é o MOTIVO de nossa promessa funcionar. O dominó geralmente será:

  1. Um segredo que poucas pessoas conhecem.
  2. Um método desenvolvido por você ou aplicado por você.
  3. Um elemento especial/diferente em seu produto/serviço.

 

Exemplos:

É possível acabar com a insônia e dormir em menos de 5 minutos PORQUE existe uma glândula no cérebro chamada silófila que, quando estimulada, desliga o corpo em menos de 5 minutos.

> neste caso, o resultado desejado é possível PORQUE existe um segredo que poucas pessoas conhecem.

É possível montar um negócio online que dobra de tamanho a cada 12 semanas PORQUE existe um método chamado Jornada de Valor que possibilita isto acontecer. 

>> neste caso, o resultado desejado é possível PORQUE existe um método desenvolvido por você ou aplicado por você.

É possível perder 3kg por semana de maneira saudável porque existe um suplemento termogênico que mistura 12 ervas do norte do Alasca que quando são combinadas derretem sua gordura enquanto você come hambúrguer com batata frita.

>> neste caso, o resultado desejado é possível PORQUE existe um elemento especial/diferente em seu produto/serviço.

Estes são exemplos hipotéticos apenas para você entender a essência da criação de um dominó. Você precisa encontrar um MOTIVO pelo qual a promessa que você está fazendo FUNCIONA. Este MOTIVO será o seu DOMINÓ.

 

SEU PRODUTO/SERVIÇO

Por fim, o seu produto/serviço será é o veículo que entrega a transformação para seu cliente.

Seu produto será apenas O MEIO pelo qual a transformação será entregue.

A única coisa que você deve se preocupar com relação ao seu produto é: ENTREGAR A PROMESSA FEITA.

 

PREENCHENDO SUA DECLARAÇÃO DE DOMINÓ

Agora que você tem as 3 peças no lugar, chegou a hora escrever o seu dominó. Lembre-se da fórmula:

“Se eu conseguir fazer com que os meus leitores acreditem que (O GRANDE DOMINÓ) é a ÚNICA forma de alcançar (RESULTADO FINAL DESEJADO), e que isto será possível APENAS através do (MEU PRODUTO/SERVIÇO), então, todas as objeções se tornam irrelevantes e eles terão que comprar de mim.”

 

ESCREVENDO A INTRODUÇÃO

Para começar, vamos escrever a primeira seção de nosso artigo:

Introdução
1.1– Apresentando e Agitando as Dores
1.2 – A Grande Promessa
1.3 – Compromisso e Atenção
1.4 – Preparando a sua Apresentação
1.5 – Apresentando suas Credenciais
1.6 – Transição Para o

APRESENTANDO E AGITANDO AS DORES

“A primeira coisa que você deve fazer em seu artigo é despertar a atenção do seu leitor. Você tem poucos segundos para conseguir esta façanha. E a melhor maneira para despertar a atenção de seu leitor é se conectar indiretamente com ele através das dores deles”.

Perceba que eu disse INDIRETAMENTE. Em outras palavras, você não deve atacar diretamente seu leitor logo no início. Se fizer isto, ele irá sair do seu artigo (e irá odiar você).

Ao invés disso, vamos adotar uma postura mais suave. Vamos começar. Conteúdo

 

EXISTEM 2 FORMAS EXCELENTES DE COMEÇARMOS NOSSO ARTIGO APRESENTANDO DORES

1) A primeira é fazendo perguntas.

Exemplos:

Exemplo Insônia:

Você já imaginou como seria sua vida se você conseguisse deitar na cama e dormir em 5 minutos ou menos? Como seria dormir uma noite inteira como um bebê, sem acordar de madrugada e depois ficar HORAS rolando na cama, tentando dormir novamente?

Exemplo Emagrecimento:

Você não aguenta mais se olhar no espelho e ver uma pessoa gorda, inchada, profundamente triste e com a autoestima arruinada?
(este inclusive é o início de uma carta de vendas do produto Plano Detox da Mari Marçal).

 

Você já escreveu o seu dominó. Chegou a hora de colocarmos a mão na massa!

2) A segunda é fazendo declarações indiretas. Você irá expor as dores, sem direcionar ao seu leitor.

Exemplos:

Exemplo Insônia:

Só quem já passou por problemas de insônia sabe o tamanho do sofrimento que é ter o sono desregulado. Demorar para pegar no sono, dormir pouco e acordar totalmente cansado. Acordar durante à madrugada e ficar rolando na cama por HORAS tentando dormir novamente… E o pior, se entupir e ficar dependente de remédios que acabam com a saúde, apenas para melhorar UM POUCO a sua noite de sono.

Exemplo Emagrecimento:

A obesidade, ou simplesmente estar acima do peso ideal, é um mal que atormenta muitas mulheres no Brasil. A sensação de se olhar no espelho e ver uma pessoa gorda, inchada, profundamente triste e com a autoestima arruinada é a realidade de muitas pessoas acima do peso que sofrem caladas.

 

Veja como estas duas maneiras de iniciar o seu texto prendem a atenção de seu leitor. Você está falando sobre as dores DELE. Ele se reconhece nessas palavras e está à vontade porque você não está direcionando as palavras para ele.

Agora temos que apertar as dores que apresentamos no primeiro parágrafo.

A técnica para isso se chama “PINTAR O QUADRO DA DOR FUTURA”. Nós iremos descrever o cenário futuro caso ele não resolva o problema.

Exemplo Insônia:

Mas o pior acontece quando o quadro de insônia não é resolvido. Noites mau-dormidas se acumulam e os efeitos são devastadores. Envelhecimento acelerado, problemas de saúde, picos de stress e mau humor que levam a brigas dentro de casa, e em casos extremos até à separação entre casais.

Exemplo Emagrecimento:

O mais triste é que estar acima do peso possui consequências que não aparecem no espelho. Estar acima do peso acarreta em sérios problemas de saúde, disposição, libido e imunidade. Além disso, pessoas acima do peso podem desenvolver uma auto-estima baixa, falta de vontade de socializar e até mesmo depressão.

 

Importante: Neste exemplo, eu resumi bastante o que seria o quadro de uma dor futura. Ao escrever o seu artigo, detalhe ao máximo as consequências do problema.

 

Em resumo, o início do seu artigo terá entre 2 a 4 parágrafos. No primeiro parágrafo, nós iremos apresentar as dores. Nos parágrafos 2 a 4 nós iremos apertar e intensificar as dores.

 

Para finalizar, vamos fazer uma transição para apresentar a solução:

Se este é o seu caso, e você quer resolver esse problema definitivamente, este artigo irá te ajudar.”

Feito isso, chegou a hora de mostrarmos que o problema dele tem uma solução.

 

A GRANDE PROMESSA

Já mostramos para ele o problema. Agora, devemos mostrar que existe uma solução e que nós podemos ajudar.

Aqui, nós iremos declarar para nosso leitor a Grande Promessa, que definimos no passo anterior.

Exemplo Insônia:

Até o final deste artigo, eu vou te mostrar como é possível acabar com a insônia e dormir em menos de 5 minutos.

Exemplo Emagrecimento:

Até o final deste artigo, eu vou te mostrar como é possível perder 3kgs por semana de maneira saudável.

 

COMPROMISSO E ATENÇÃO

Neste momento, nós despertamos o interesse de nosso leitor. Está na hora de pedirmos para ele se comprometer. Este passo é muito simples e se resume a um parágrafo:

“Eu quero pedir o seu compromisso nesse momento: coloque o seu celular no modo avião, saia das redes sociais e do whatsapp e preste muita atenção nas informações que eu irei compartilhar aqui com você”.

APRESENTANDO SUAS CREDENCIAIS

Antes de entrar no conteúdo em si, você precisa mostrar PORQUE você pode ajudar o seu leitor. Você precisa construir a sua autoridade na mente de seu cliente.

Faremos isso contando uma breve história de como VOCÊ alcançou ou AJUDOU ALGUÉM a alcançar o resultado desejado.

Esta breve história possui 5 elementos:

1: Personagem

2: Desejo deste personagem

3: Conflito (Dor)   

4: Evento Chave

5: História da Transformação

 

Antes de escrever esta seção, você precisa pensar e encontrar estes 5 elementos da sua própria história. Com estes elementos em mãos, em poucos parágrafos, nós iremos sintetizar nossa história e comunicá-la ao nosso leitor.

A seguir, deixo um script como exemplo:

…………………………………………………………………………………………………

“Mas antes de entrarmos no conteúdo, eu vou me apresentar e te contar porque eu posso te ajudar.

“Meu nome é João da Silva, eu sou casado e tenho 2 lindos filhos, um de 3 e um de 4 anos (PERSONAGEM). Há 3 anos atrás, o que eu mais queria nesta vida era ter um relacionamento melhor com a minha esposa e com meus filhos, viver sem stress e ter mais disposição para trabalhar e praticar o esporte que eu amo, que é corrida. (DESEJO DO PERSONAGEM). Mas, eu tinha um grande problema: Insônia. Para quem vê de fora, pode parecer um problema simples, mas não é. Não dormir à noite se tornou uma bola de neve na minha vida, e afetou meus relacionamento em casa, com meus colegas de trabalho, alterou completamente o meu humor…até meus filhos, que eu costumava brincar sempre que chegava do trabalho, começaram a se distanciar de mim…  (CONFLITO)

Até que um dia, minha mulher veio conversar comigo. Chorando, ela me disse que estava muito dificil continuar, e que estava pensando em se separar, depois de quase 10 anos de um casamento lindo e 2 filhos maravilhosos. Eu fiquei em choque. Lembro-me como se fosse hoje. Eu ouvi tudo o que ela disse, e não consegui responder uma palavra, apenas fiz que sim com a cabeça e subi para o quarto…eu chorei por quase 1 hora sem parar. Naquela noite, eu não dormi, e tomei uma decisão. Eu iria descobrir como me livrar de uma vez por todas do meu problema da insônia. (EVENTO CHAVE).

Eu passei três semanas lendo tudo o que eu achava na internet e em livros, até que encontrei um artigo num blog na espanha (eu tive aulas de espanhol na infância). Aquele artigo era diferente de tudo o que eu tinha visto até então. Ele falava sobre uma glândula no cérebro, que foi recentemente descoberta, e os cientistas estavam chamando-a de “glândula do sono”. O artigo dizia basicamente que, se estimularmos esta glândula, não temos opção a não ser dormir profundamente.

Então eu passei quase uma semana para encontrar os ingredientes que ele indicava no artigo para fazer o “chá do sono”. Tive inclusive que importar alguns ingredientes. Quando tudo chegou, eu fiz o chá pela primeira vez. Quando tomei, estava tão nervoso pra saber se aquilo iria funcionar, que quase deixei o copo cair.

Lembro que a minha mulher me perguntou: que cheiro estranho é esse? Eu não queria contar para ela o que era antes de saber se funcionava, então respondi que era apenas um chá refrescante. Terminei de tomar o chá e deitei no sofá para assistir um pouco de televisão, antes de subir para tomar banho e dormir…

Mas neste dia, para minha surpresa, eu APAGUEI no sofá, e só acordei no outro dia, às 6 horas da manhã!

Eu mal acreditava no que tinha acontecido. Estava tão emocionado que tive que acordar a minha esposa para contar o que tinha acontecido…

Desde então, eu NUNCA MAIS tive problemas com insônia. O melhor desta história é que, hoje, o meu casamento está MARAVILHOSAMENTE BEM, minha relação com meus filhos está perfeita, eu fui promovido no trabalho, e corri minha primeira maratona há alguns meses atrás! (HISTÓRIA DA TRANSFORMAÇÃO).

…………………………………………………………………………………………………

 

Entenda que esta história segue os 5 pontos acima. O segredo é contar detalhes que provem que a história é real.

 

Se o personagem da história não for você, não tem problema. Só precisamos fazer uma pequena adaptação no início:

“Olá, eu sou João da Silva, pesquisador sobre o tema ________ há mais de x anos, e já ajudei dezenas/centenas/milhares/muitas pessoas com problemas de __________.

Inclusive, uma dessas pessoas que eu ajudei e que tem uma história muito marcante pra mim foi a Mariazinha.

A Mariazinha… ” (continue com o script)

 

TRANSIÇÃO PARA O CONTEÚDO…

A  introdução inteira já foi feita. Nosso leitor está louco para saber o que temos para compartilhar com ele. Para finalizar esta seção, precisamos apenas fazer uma transição para o conteúdo. Também, de forma simples:

“Agora que você já me conhece, e conhece a minha história, chegou o momento de eu te mostrar o que poucas pessoas sabem sobre _________. Eu tenho certeza absoluta que você sairá deste artigo TRANSFORMADO. Então, sem mais delongas vamos começar.”

 Agora iremos começar a seção de conteúdo.

 

O CONTEÚDO

Aqui está a principal seção de nosso artigo: o conteúdo.

O conteúdo será o responsável por mudar o paradigma de nossos leitores e isso levará a compra. O conteúdo deve ser cerca de 70% de seu artigo.

Lembre-se sempre: nosso principal papel não é ENSINAR. Nosso principal papel é DESTRUIR CRENÇAS FALSAS E RECONSTRUÍ-LAS COM A VERDADE.

 

A estrutura do conteúdo nessa parte do artigo de conversão é a seguinte:

2 – O Conteúdo
  2.1 – O Primeiro Segredo
  2.2 – O Segundo Segredo
  2.3 – O Terceiro Segredo
  2.4 – Transição Para o Fechamento

 

OS SEGREDOS

Para iniciar, o que são os segredos?

Lembre-se do Grande Dominó. Num mundo ideal, nossos leitores simplesmente acreditariam que o nosso dominó é verdadeiro depois de ouvir a história que contamos no passo anterior. E, assim, comprariam o nosso produto. Mas não vivemos num mundo ideal.

O fato é que nosso leitor tem uma série de crenças que o impedem de acreditar que o nosso dominó é verdade.

Por isso, nós precisamos exterminar as falsas crenças na cabeça de nossos leitores.

Faremos isso através dos três segredos.

Mas antes de montar os segredos em si, precisamos levantar a maior quantidade de falsas crenças que nossos leitores possam ter.

 

 

LEVANTANDO AS FALSAS CRENÇAS

Pegue uma folha de papel ou abra um documento Word. A primeira coisa que você irá escrever neste documento é a sua promessa de transformação.

Exemplo:

 “Acabar definitivamente com a insônia, e pegar no sono em menos de 5 minutos”

Ótimo.

Abaixo desta frase, você irá escrever:

“Principais crenças falsas na cabeça de meu leitor”

Agora, você irá fazer uma lista com no mínimo 10 crenças falsas/objeções com relação à sua promessa que impedem seu leitor de comprar de você.

 

Exemplo:

Isso é balela.

Isso não dá certo para todo mundo.

Se isso funciona tão bem, porque nunca ouvi falar disso?

Porque Agora daria certo?

Isso funciona apenas por um tempo, depois vai parar de funcionar.

Vai ser caríssimo para eu fazer esse chá.

Esse chá deve fazer mal pra saúde.       

Eu já sei o que é isso, ele está mentindo.

Vou ter que tomar isso pro resto da minha vida.

Vou ficar dependente desse chá, se não nunca mais eu durmo.

 

 

Depois de escrever as 10 crenças falsas com relação ao seu produto, nós iremos selecionar quais são as 3 crenças/objeções mais fortes dessa lista.

Não existe certo ou errado. Olhe para a sua lista, pondere, e eleja as 3 que lhe pareçam mais fortes.

 

Neste exemplo, eu irei selecionar as seguintes:

Se isso funciona tão bem, porque nunca ouvi falar disso?

Isso funciona apenas por um tempo, depois vai parar de funcionar

Vou ficar dependente desse chá, se não nunca mais eu durmo

 

Você deve fazer a mesma coisa neste momento. Encontre 10 objeções e defina 3 principais. Feito isso, chegou a hora de montarmos nossos segredos.

 

ENCONTRANDO AS HISTÓRIAS

Agora que temos 3 crenças principais, iremos trabalhar para matar cada uma delas em nosso conteúdo.

O Primeiro passo será atrelar uma história para cada uma dessas falsas crenças. Esta história ajudará a quebrar o paradigma falso na cabeça de seu leitor.

 

Por exemplo:

Falsa crença: “Se isso funciona tão bem, porque nunca ouvi falar disso?”

O que fazer: achei um artigo falando sobre a nova descoberta feita pela ciência sobre as glândulas silófilas. Poucas pessoas sabem disso ainda porque esta descoberta está sendo abafada pelas grandes farmacêuticas mundiais.

 

Falsa crença: “Isso funciona apenas por um tempo, depois vai parar de funcionar “

O que fazer:eu uso o chá até hoje, por mais de 3 anos, sem nenhum efeito colateral… Marquei uma conversa com um médico especialista em distúrbios do sono, ele analisou os componentes do chá e chegou a conclusão de que é se trata de uma excelente maneira de estimular o sono sem comprometer nenhum aspecto da saúde, e sem deixar de perder os efeitos pelo uso contínuo”.

 

Falsa crença: “Vou ficar dependente desse chá, se não nunca mais eu durmo”

O que fazer:fui viajar para a praia com a minha família e descobri que mesmo sem o chá, conseguir dormir tranquilamente, pois o chá havia regulado o meu sono novamente”.

 

Você deve utilizar esta pequena fórmula para encontrar suas histórias: “Para a crença Falsa X, eu vou contar a história Y.

 

Você deve pensar em qual história irá associar para ajudar a derrubar a crença falsa. Feito isso, podemos avançar para o próximo e último passo:

MONTANDO OS SEGREDOS

Agora nós iremos montar nossos segredos. Para isso, vamos pegar as 3 principais objeções que selecionamos, juntamente com as histórias atreladas a eles, e reescrevê-los em forma de segredo para aguçar a curiosidade de nossos leitores. A Chave aqui é a CURIOSIDADE!

Existe uma pequena fórmula para montar seus segredos também, que é a seguinte:

Se você está pensando “se isso funciona tão bem, porque nunca ouvi falar disso?” é porque você não conhece o a Estranha Descoberta Científica que a Indústria Farmacêutica tenta DESESPERADAMENTE te esconder sobre como ACABAR com a insônia…

Se você está pensando “isso funciona apenas por um tempo, depois vai parar de funcionar” é porque você não conhece a Fórmula INFALÍVEL que irá acabar com a sua insônia para SEMPRE…

Se você está pensando “Vou ficar dependente desse chá, se não nunca mais eu durmo” é porque você não conhece como regular o seu sono novamente depois de ANOS de insônia e voltar a dormir como um bebê.

 

Os segredos então seriam:

Segredo nº1  – A Estranha Descoberta Científica que a Indústria Farmacêutica tenta DESESPERADAMENTE te esconder sobre como ACABAR com a insônia.

Segredo nº2  – A Fórmula INFALÍVEL que irá acabar com a sua insônia para SEMPRE.

Segredo nº3  – Como regular o seu sono novamente depois de ANOS de insônia e voltar a dormir como um bebê.

 

Novamente: seus segredos precisam ser FORTES e aguçar a CURIOSIDADE, para que seus leitores queiram ler. Agora, chegamos a etapa final: o conteúdo de cada um dos segredos.

 

MONTANDO OS CONTEÚDOS

Tudo o que fizemos até aqui foi preparar o terreno. Vamos começar a escrever nosso conteúdo de fato apenas agora. Iremos apresentar nosso conteúdo em forma de 3 segredos. Cada um dos três segredos será diferente, mas a estrutura de como iremos mostrar estes segredos é a mesma.

 

ACIMA DE TUDO, LEMBRE-SE DE NOSSO OBJETIVO AQUI: DESTRUIR CRENÇAS FALSAS E COLOCAR NOVAS CRENÇAS NO LUGAR.

 

Dessa maneira, mudaremos o paradigma de nosso leitor, e isso fará com que ele tome ação e compre nosso produto.

Com isto SEMPRE em mente, a estrutura do conteúdo de cada segredo é:

  1. Conte o Segredo.
  2. Conte a história que você relacionou ao segredo.
  3. Prove mostrando os resultados de terceiros.
  4. Quebre crenças falsas relacionadas.
  5. Afirme a nova crença como uma verdade inegável.

 

Vamos a cada ponto:

1 – CONTE O SEGREDO

Aqui, nós iremos simplesmente expor o segredo, desta maneira:

Segredo nº1  – A Estranha Descoberta Científica que a Indústria Farmacêutica tenta DESESPERADAMENTE te esconder sobre como ACABAR com a insônia.

E faremos uma rápida transição direto para a história:

“Como foi que eu descobri isso” ou “Deixe eu te contar uma história” ou “A história de como eu descobri isso foi engraçada”.

Você pode utilizar qualquer uma dessas, ou criar a sua própria transição. Agora iremos direto para a história.

2 – CONTE A HISTÓRIA QUE VOCÊ RELACIONOU AO SEGREDO

Lembra da história que definimos antes? Chegou a hora de você contá-la aqui.

Use a maior quantidade de detalhes possível.

O papel da história é fazer seu leitor entender melhor a nova oportunidade que você está oferecendo. Novamente: nosso objetivo aqui não é ensinar nada, e sim ajudá-los a PENSAR de uma forma diferente da atual.

 

3 – PROVE MOSTRANDO RESULTADOS DE TERCEIROS 

Este passo é poderoso. Caso você já possua clientes e estudos de caso, aqui é a hora de mostrar que isso funciona também para outras pessoas. Você pode fazer a transição para a história de outras pessoas dessa maneira:

“Uma história bem interessante sobre isso aconteceu com um de meus clientes, o Maycon. Ele sempre pensou que _________, até conhecer o que eu estou compartilhando com você. No início, ele estava bem desconfiado, mas decidiu testar, e o resultado foi incrível…(continue a história)”.

Caso você ainda não possua histórias ou estudos de caso, pode pular esta etapa. Seu segredo não será tão forte, mas ainda assim continuará bom.

 

4 – QUEBRE CRENÇAS FALSAS RELACIONADAS

Anteriormente, nós listamos 10 falsas crenças e selecionamos as 3 mais fortes.

Aqui neste passo, nós iremos aproveitar as outras 7 que restaram e acabar com elas também.

Estas são as 7 crenças falsas que enumeramos anteriormente:

Isso é balela;

Isso não dá certo para todo mundo;

Porque Agora daria certo?

Vai ser caríssimo para eu fazer esse chá

Esse chá deve fazer mal pra saúde

Eu já sei o que é isso, ele está mentindo

Vou ter que tomar isso pro resto da minha vida

 

Por exemplo, aqui estamos no primeiro segredo e a crença falsa que estamos matando é: “se isso funciona tão bem, porque nunca ouvi falar disso?”

Pergunte-se: qual dessas objeções está diretamente relacionada com a  falsa crença que eu estou exterminando com este segredo?

Eu diria que estas duas:
Isso é balela (muito bom para ser verdade);
Porque Agora daria certo?

 

Portanto, aqui nesta etapa, nós iremos aproveitar e matar essas duas falsas crenças também, desta forma:
“E nesse momento você deve estar pensando que tudo isso é muito bom para ser verdade certo? Bem, eu também pensei exatamente isto quando li aquele artigo pela primeira vez, e na verdade, eu estaria pensando isso até hoje, se eu mesmo não fosse a prova viva de que funciona, e tivesse visto outras dezenas de pessoas resolverem seus problemas de insônia também.”

“Além disso, muitas pessoas que já tentaram de tudo pensam: tá, mas eu já tentei de tudo, e porque só agora daria certo? Deixa eu te lembrar uma coisa: isto não é remédio, e é uam descoberta muito recente. Com certeza, você nunca viu nada igual a isso.”

 

E assim você fará para o seu artigo para quantas objeções relacionadas existirem. Afirme a nova crença como uma verdade inegável

 

5 – AFIRME A NOVA CRENÇA COMO UMA VERDADE INEGÁVEL

Depois de passar por todas estas etapas, você deve AFIRMAR a nova crença que você deseja que seus leitores acreditem como uma verdade inegável. Basta repetir o seu segredo, da seguinte forma.

“Bem, eu acabei de te mostrar como A Estranha Descoberta Científica que a Indústria Farmacêutica tenta DESESPERADAMENTE te esconder sobre como ACABAR com a insônia. Com certeza, você não irá ouvir falar disto na televisão ou nos jornais, por isso, se considere privilegiado. Agora, vamos falar agora sobre…” (próximo segredo)

 

Estes são os 5 pontos que você deverá repetir para os 3 segredos. Faça o passo a passo ensinado aqui para cada segredo e você terá excelentes resultados. Após a apresentação dos 3 segredos, seus leitores estarão com outras crenças totalmente diferentes, que irão levá-los a comprar de você.

Chegou a hora de fazer o fechamento.

 

ESCREVENDO O FECHAMENTO

Enfim, chegamos à finalização de nosso artigo.

Nosso objetivo aqui é apenas um: levar nosso leitor para a conversão que desejamos, seja uma landing page, uma página de vendas ou qualquer outra conversão.

 

A estrutura do fechamento é a seguinte:

3 – Fechamento
3.1 – A Recapitulação
3.2 – A afirmação da nova crença

 3.3 – O CTA FINAL

 

RECAPITULAÇÃO

Aqui, iremos recapitular de forma breve o conteúdo que apresentamos em nosso artigo. De forma simples e objetivo:

“Bem, então esses foram os 3 segredos que eu compartilhei com você aqui neste artigo:

Segredo nº1  – A Estranha Descoberta Científica que a Indústria Farmacêutica tenta DESESPERADAMENTE te esconder sobre como ACABAR com a insônia.

Segredo nº2  – A Fórmula INFALÍVEL que irá acabar com a sua insônia para SEMPRE.

Segredo nº3  – Como regular o seu sono novamente depois de ANOS de insônia, e voltar a dormir como um bebê.”

 

AFIRMAÇÃO DA NOVA CRENÇA

Imediatamente após nossa recapitulação, iremos afirmar a nova crença que desejamos que nosso leitor acredite.

 

De forma geral, faremos isso afirmando a nossa promessa, desta maneira:
“E você entendeu como é possível acabar definitivamente com a insônia e pegar no sono em menos de 5 minutos?”

Se seu leitor concordar com esta afirmação, a conversão está praticamente feita. E é bem provável que ele concorde ou então não estaria lendo até o final. Agora, precisamos apenas fazer a chamada para a ação

 

CTA FINAL

Para fazermos o CTA final, nós iremos usar duas técnicas de fechamento que são perfeitas para um artigo de conversão.

Em primeiro lugar, vamos mostrar que eles terão de tomar um passo adiante e se comprometer. O script é o seguinte:

“Neste momento, você já sabe o que a maioria das pessoas com insônia gostaria de saber. Essas informações são capazes de transformar a sua vida. Mas, a verdade é que informação apenas não basta. Para mudarmos DE VERDADE, precisamos de COMPROMETIMENTO e AÇÃO.

Por isso, o próximo passo é acessar (este link/esta pagina) e (baixar este arquivo/conhecer o produto x/ comprar o produto x). Somente assim você terá a transformação que está buscando!”

Feito isso, iremos dar duas escolhas e fazer o fechamento final.

 

“Agora, você tem apenas duas opções. 

A Primeira é não fazer nada com o que você acabou de aprender, simplesmente sair desta página sem tomar nenhuma ação e continuar com (problema/dor).

Ou pode clicar aqui e dar o próximo passo definitivo rumo ao (resultado desejado). A escolha é sua.”

 

Pronto. Apenas isso é o suficiente para que seu leitor interessado vá para o próximo passo e dessa forma você encerra o artigo.

 

CONSIDERAÇÕES FINAIS SOBRE O ARTIGO DE CONVERSÃO

Este foi o plano de execução para construção de um artigo de conversão – um artigo rei de conversão!

 

Existem outras formas e outros scripts para construir um artigo de conversão, mas este, em especial, é extremamente poderoso. O principal é fazer o seu dominó bem feito. De resto, basta seguir etapa por etapa do plano, não tem segredo!

 

Espero que tenha apreciado o que ofereci para você neste plano de execução e, especialmente, que o COLOQUE EM AÇÃO!

 

Um grande abraço!
Helton Bezerra.

 

Postagens Recomendadas

Deixe um Comentário

* Copy This Password *

* Type Or Paste Password Here *

CONTATO RÁPIDO

Deixa abaixo sua mensagem e assim que possível te retorno ok? Caso seja urgente, entre em contato via whats app: 21 965 299 294